Fale com o WhatsApp do redenovo
Sagrado Rede de Educação / Notícias / Metodologias Ativas de Aprendizagem: o que são e seus benefícios

Metodologias Ativas de Aprendizagem: o que são e seus benefícios

Email Facebook LinkedIn Print Twitter 26 de Maio de 2021

As metodologias ativas de aprendizagem são diferentes abordagens de ensino que podem ser aplicadas em sala de aula e possuem o objetivo de inserir o aluno no centro do processo educativo, construindo seu próprio conhecimento.

Nos últimos anos, houveram muitas mudanças na maneira de ensinar, e as metodologias ativas vieram como uma verdadeira revolução no ensino, mudando não só a forma como se aprende, mas também tirando o estudante da posição passiva de aprendizagem.

E, para que você possa compreender melhor quais são as metodologias ativas de aprendizagem e seus benefícios, continue lendo o conteúdo e confira as principais informações sobre essa inovação.

Quais são as metodologias ativas de aprendizagem?

Com a finalidade de incentivar a participação ativa do aluno em sala de aula, a proposta é que ele aprenda de forma autônoma, com base em problemas e situações reais. Para isso, existem abordagens que podem ser aplicadas no dia a dia e que estimulam as competências de cada um. Veja alguma delas a seguir:

1. Aprendizagem baseada em problemas:

Também apresentada como Project Based Learning (PBL), a aprendizagem baseada em problemas foca na parte teórica da resolução de casos, de maneira que o educando possa utilizar a tecnologia e outros recursos para investigar, refletir e criar soluções para determinado desafio.

Neste caso, o professor passa a ser o mediador das discussões, instigando a construção do conhecimento.

2. Aprendizagem baseada em projetos:

Em conjunto com a PBL, a aprendizagem baseada em projetos faz com que os alunos trabalhem de forma colaborativa, colocando a mão na massa para explorar e testar hipóteses. Assim, resgata-se a proposta do “Do It Yourself” (Faça Você Mesmo), da Cultura Maker, permitindo o desenvolvimento das competências investigativas e críticas diante das situações.

Veja mais sobre a proposta da Cultura Maker, no conteúdo:

Cultura Maker na Educação
A Cultura Maker traz a proposta educacional de que todos podem construir, consertar e criar seus próprios objetos. Conheça mais sobre essa inovação.

3. Sala de aula invertida:

Na sala de aula invertida, o aluno tem acesso ao conteúdo antecipadamente, de maneira híbrida, potencializando o aprendizado presencialmente, através da interação entre os educandos na realização de projetos. Este conhecimento prévio também faz com que o estudante tenha maior interesse pelas aulas e participe mais ativamente das discussões.

Além de planejar a utilização dos recursos digitais, o professor fica responsável pela dinamicidade e didática dos conteúdos online e presencial.

E se você quiser entender mais sobre a sala de aula invertida, recomendamos que acesse o artigo que publicamos aqui no Blog da Sagrado: 

Sala de aula invertida: um novo modelo de ensino
Acesse o conteúdo e veja como a sala de aula invertida tem ganhado espaço com o ensino online. O que faz o aluno se tornar protagonista do conhecimento?

4. Estudos do meio:

Desde o início da pandemia, os estudos do meio foram inviabilizados, no entanto alternativas, como as visitas online, ganharam destaque para a execução dessa abordagem que possui as saídas de campo como uma verdadeira imersão na aprendizagem.

Com aulas expositivas, a metodologia oportuniza a integração entre a teoria e a prática, a interdisciplinaridade e o desenvolvimento do olhar investigativo. 

Benefícios das metodologias ativas de aprendizagem

A execução das metodologias ativas de aprendizagem já é realidade na Sagrado Rede de Educação, mas quais benefícios essas abordagens trazem para a formação de nossos alunos?

1) Autonomia: ponto fundamental para a educação do futuro. É através da autonomia no aprendizado que o educando passa a desenvolver suas habilidades e competências.

2) Motivação: associar os conteúdos vistos em sala de aula com as situações do cotidiano torna o aprendizado mais dinâmico e tangível, engajando o estudante com as discussões.

3) Autonomia e autoconfiança: o incentivo para a criação de suas próprias soluções faz com que o educando desenvolva as duas características em conjunto, aproveitando todo o seu potencial de inovação.

4) Diferenciais competitivos: além do estímulo à criatividade, observação e investigação, as metodologias ativas de aprendizagem garantem qualificações importantes para o mercado de trabalho, como a responsabilidade, o senso crítico, a empatia e o trabalho em equipe.

Como você pôde ver no texto, as metodologias ativas de aprendizagem trazem uma realidade totalmente diferente da qual estávamos acostumados em épocas passadas e, hoje, elas são essenciais para a formação integral do aluno.

Quer conhecer mais sobre o futuro e as tendências da Educação Empreendedora? Acesse o próximo conteúdo:

Educação empreendedora como parte do sucesso profissional
Como a educação empreendedora prepara a nova geração para o sucesso profissional? Confira o conteúdo e conheça mais sobre o empreendedorismo na escola.